Registrar-se

Espumas enlatadas funcionam?
rodrigoqui
Desejo de raspar
****
administrators

Posts: 2,740
Juntou-se: Aug 2015
Reputação: 17
#1
22-08-2017, 01:37 PM

Qual que é a das espumas de barbear enlatadas?

[Imagem: TIJfky9.jpg]

 
As espumas de barbear enlatadas são abominadas pelos wetshavers e mesmo assim são disparadamente a coisa mais utilizada para se barbear no mundo! Por que essa diferença?

De onde vem o problema ao se utilizar esse tipo de espuma?

Ao começar a discutir isso aqui gostaria de ressaltar as duas coisas que mais escuto sobre as espumas enlatadas.


1 – Esse tipo de espuma não tem água e por isso faz mal para a pele!
2 – Essas espumas são cheias de produtos químicos que fazem muito mal!

Essas duas informações estão um pouco equivocadas embora ainda sim tenham algum fundamento e sejam interessantes para essa discussão.


A primeira informação tem até algum fundamento, mas se você pegar para ler a lista de ingredientes de uma espuma enlatada vai ver que na grande maioria delas o primeiro componente, ou seja o mais abundante, é a água! Eita, mas as espumas enlatadas não são pobres em água, como ela é o ingrediente principal? Mesmo a água sendo o componente principal, a quantidade dela quando comparada a uma espuma feita a partir de um sabão ou creme com pincel é realmente muito menor. A espuma de barbear, independente da fonte, tem diversas funções, proteger a pele, lubrificar o caminho que a lâmina vai percorrer, hidratar a pele antes dos trabalhos, hidratar os pelos para que eles fiquem mais macios e diversas outras. Com a espuma enlatada temos alguns problemas por conta dessa quantidade de água. A natureza do uso de uma espuma enlatada é chegar no banheiro, jogar ela na cara e já começar a barbear. Com isso a pele e os pelos não tem tempo (e nem muita água pra isso, é verdade) de se hidratar. Por consequência os pelos estão mais duros e a pele mais sensível a cortes. E isso é um problemão! Mas porque não se resolve isso colocando mais água? Mais pra frente explico.


A segunda coisa que mais escuto parece ser mais realista certo? Mas aí eu te pergunto, o que são produtos químicos? Esse é um conceito que acho muito legal, algumas coisas tem a alcunha de produtos químicos e outras não. Tudo ao seu redor, tudo que você sente, tudo que toca, tudo que prova, tudo que vê é feito de moléculas, tudo isso são produtos químicos, vamos tirar daí basicamente a luz e a eletricidade e tudo que sobra é química pura! Você é apenas um conjunto organizado de moléculas olhando a tela do computador nesse momento. A minha impressão é que as pessoas consideram coisas naturais como normais e sintéticas como químicas. Se você pegar uma coisa simples, como o extrato essencial de uma rosa, ele vai conter centenas, isso mesmo, centenas de componentes químicos diferentes! Não é porque uma coisa é natural que ela não é química. Mas bem, depois dessa viagem filosófica, vamos começar a discutir a química das espumas enlatadas.


A composição das espumas enlatadas é incrivelmente próxima a dos cremes de barbear. A única grande diferença é a presença dos gases propelentes, normalmente propano e butano. Isso faz toda a diferença, é bem verdade, mas em termos de composição realmente não existe uma diferença entre cremes e espumas enlatadas a não ser na proporção entre os ingredientes.


As espumas enlatadas em sua grande maioria são feitas de: Água, ácido esteárico, glicerina, trietanolamina, algum detergente, os óleos essenciais e claro os propelentes. Cada um desses compostos está descrito no tópico dos sabões e sua composição aqui. Mas porque as listas de ingredientes das espumas enlatadas parecem eternas e assustadoras? É o mesmo motivo que a maioria das listas de ingredientes de qualquer outra coisa também parece, as essências e conservantes. Em quase qualquer lista de ingredientes os últimos componentes são os que tem os nomes mais feios, mas eles são basicamente os componentes aromáticos que são obrigados a aparecer por conta da legislação. E quase todos tem origem natural, ou são sintéticos, mas idênticos aos naturais! Não existe nenhum bicho papão nas espumas de barbear enlatadas.


Mas e os propelentes propano e butano? Bem, para que as espumas enlatadas funcionem alguma coisa tem que empurrar ela para fora e dar o volume assim que sai da lata e são esses gases que fazem isso. Eles estão líquidos dentro da lata e ao se apertar o botão ele “fervem” viram gás e fazem o que tem que fazer. O problema é que as microbolhas da espuma são feitas de gases propelentes e não ar. Esses gases tem o péssimo efeito de ressecar a pele e reduzir a pouca água da espuma.

[Imagem: mnCfbAn.png]

O ressecamento é o grande problema das espumas enlatadas. Ao usar você não dá tempo para a pele e os pelos se hidratarem, além disso, joga na mistura gases secantes e detergentes que retiram os óleos naturais da pele e ferra com tudo.



Mas por que não se coloca mais água nas espumas de barbear então e acabar com o problema? A água é polar, termo que vocês devem se lembrar das aulas de química. Mas os gases propelentes são hidrofóbicos, ou seja, não gostam de interagir com a água. Por isso a trieanolamina e o detergente são adicionadas nas composições, para facilitar a mistura água, propelentes e todo o resto (e na espuma também é claro). Se for colocado mais água simplesmente o sistema se separa e para de funcionar. Podem acreditar, as indústrias colocam o máximo de água que podem!


Então pronto, as espumas enlatadas são horríveis? Não, elas são boas para o que se propõe, o problema é que são mal aplicadas na maioria dos casos e não são boas para todo mundo.


Existem no mercado espumas enlatadas com composições excelentes, inclusive no brasil. Mas como não se prepara a pele antes temos os problemas.


As espumas realmente vão ressecar apele, então não podemos simplesmente chegar no banheiro e colocar ela na cara. Primeiramente ela nem vai ficar presa direito no rosto e a lâmina vai passar basicamente na cara limpa e segundo ela vai obviamente secar a sua pele. Para se utilizar uma espuma enlatada primeiramente temos que preparar o rosto, como fazemos no barbear tradicional, deixar bem húmido e macio. Com o rosto ainda molhado depois de um tempinho aí sim podemos passar a espuma na pele e espalhar bem, para que todo o rosto fique protegido. Desse jeito ela vai tem um suporte para te proteger da lâmina e vai ter água o suficiente para tudo correr bem, vai ressecar, mas menos.


As espumas enlatadas tem uma quantidade enorme de ácido esteárico saponificado e não saponificado, e a espuma fica espessa, protegendo bem a pele. É leve, pois falta água, mas se tiver uma camada de água no rosto para suportar a mistura ela protege bem! Não vai ter o melhor deslize do mundo, mas é suficiente para a maioria das pessoas. E tem algumas com silicones adicionados (assim como vários cremes de barbear, diga-se de passagem) que aumentam bem esse deslize.


As espumas enlatadas são feitas para serem simples, práticas e ajudar no barbear e fazem isso bem, tomados os devidos cuidados. Não dá para comparar com sabões e cremes, que realmente são ótimos para isso, mas cumprem bem seu papel.



Elas realmente ressecam a pele e não são tão eficiente mas dão para o gasto para maioria da população que não quer perder tempo fazendo espuma e pincelando ela na cara. Por isso são disparadamente a forma de espuma mais vendida no mundo hoje em dia.


[Imagem: ZqBHzLE.jpg]


Dito tudo isso acho legal tentar explicar como as espumas enlatadas funcionam.


Nessa imagem capturada da internet temos um esquema legal para entender.


[Imagem: Zx4EVt5.png]


Dentro da lata vamos ter os gases liquefeitos em alta pressão, assim como num botijão de gás, a água e os sabões, detergentes hidratantes e demais componentes. Todos esses componentes tem de estar razoavelmente bem misturados para que com apenas algumas chacoalhadas fique no ponto. Bem, ao se apertar o botão os propelentes começam a “ferver” dentro da lata e a sua pressão aumenta. Esse aumento de pressão empurra a mistura liquida pelo “canudo” pra fora da lata. Assim que chega na saida o propelente não vai mais estar sob pressão então acaba de “ferver” e forma as microbolhas na saída do canudo criando a espuma.


Espero que ajude e tenha ficado fácil de entender o texto e se alguém não entendeu algo é só falar!



[Imagem: xXq8JFe.jpg]

Responder
Marco Junqueira
Duas cruz-es credo
*

Posts: 63
Juntou-se: Jan 2017
Reputação: 1
#2
22-08-2017, 02:06 PM

Muito completo e explicativo! Obrigado pelas informações!

Responder
Foguinho
Na idade da Pedra Hume
****
Super Moderators

Posts: 3,173
Juntou-se: Jun 2016
Reputação: 15
#3
22-08-2017, 03:02 PM

Obrigado Rodrigo por mais um excelente tópico teu, parabéns por trazer cada vez mais esclarecimentos aos produtos ligados ao nosso hobby.

Quanto ao assunto espuma enlatada, eu deixei de usar mais pelo prazer de utilizar o pincel de barbear e sabões ou cremes existentes no nosso hobby.

Responder
Moreira
Valoroso Valobra
***

Posts: 1,329
Juntou-se: May 2015
Reputação: 16
#4
22-08-2017, 03:30 PM

Muito bom mesmo! Gostei dos esclarecimentos. Não sabia de muita coisa ali, embora também não tivesse nada contra as coitadas das espumas enlatadas. No fundo, acho legal cada um fazer a barba como quiser e bem entender, sem esse julgamento chato do que é certo ou errado, caro ou barato, nacional ou importado, e por aí vai.

Responder
Pmartins85
Bozzanus Mentoladix
*

Posts: 239
Juntou-se: Apr 2017
Reputação: 1
#5
22-08-2017, 03:38 PM

Obrigado, acho que a enlatada é uma ótima pedida para viagens, não precisar se preocupar se o pincel secou o suficiente e quanto tempo vai guardado úmido.

Responder
Rafael
Super-barba!
*

Posts: 302
Juntou-se: Jul 2017
Reputação: 0
#6
22-08-2017, 04:29 PM

Baita tópico, sempre tive curiosidade sobre como essas coisas funcionam.

Muito bom!

Responder
MotaJV
Desejo de raspar
****
Super Moderators

Posts: 2,703
Juntou-se: May 2015
Reputação: 4
#7
22-08-2017, 05:14 PM

Grato pelo excelente tópico Rodrigo!

"Pessoas que são boas em arranjar desculpas raramente são boas em qualquer outra coisa" - Benjamin Franklin

Responder
Rafael Maia
Surfista ponta prateada
***
Super Moderators

Posts: 1,119
Juntou-se: May 2015
Reputação: 3
#8
22-08-2017, 06:44 PM

Obrigado pela explicação. Quando eu usava enlatados só poucas marcas funcionavam comigo. Geralmente irritavam a pele.

Responder
udrako
Caçando a Balea
******
administrators

Posts: 17,137
Juntou-se: May 2015
Reputação: 14
#9
22-08-2017, 08:15 PM

Parabéns pelo topico Smile

Responder
Comtruise3
Ordem e Progress
****

Posts: 2,045
Juntou-se: Apr 2017
Reputação: 4
#10
22-08-2017, 08:39 PM

Parabéns pelo tópico, muito bom!!

Enviado de meu Nokia 2280 usando Tapatalk

Responder



Lingua:
Tema: